>> Avaliação do PMAQ pode elevar o repasse de recursos federal da Saúde em Dom Aquino


A Secretaria Municipal de Saúde recebeu a visita da equipe técnica de avaliação do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ/AB). As entrevistadoras, Camila Calado Cabral e a Patrícia Cristina Pereira de Araujo, percorreu todas as unidades entre os dias 13 e 15 de agosto.

De acordo com o secretário de Saúde, Cláudio Adriano do Amarante, esse programa do Ministério da Saúde tem como objetivo incentivar os gestores e as equipes de atenção básica melhorar a qualidade dos serviços ofertados aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). Para isso, propõe um conjunto de estratégias de qualificação, acompanhamento e avaliação do trabalho das equipes de saúde no decorrer do ano.

“Em Dom Aquino, foram realizadas varias reuniões com todos os profissionais que fazem parte das equipes de saúde, os quais fizeram adesão ao 3º Ciclo do PMAQ/AB: as ESF/AB/SB e NASF (Médicos, Enfermeiros, Dentistas, Técnicos/auxiliar de Enfermagem, Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e Equipe do NASF)”, explicou .

Durante a visita, foi os colaboradores fizeram autoavaliação para Melhoria do Acesso e da Qualidade – AMAQ. Os processos autoavaliativos devem ser constituídos não apenas pela identificação de problemas, mas também pela realização de intervenções no sentido de superá-los. 

“É de conhecimento de todos que não é possível intervir em tudo que se julga necessário por conta do tempo, recursos humanos e financeiros e dentre outros. Essa estratégia, tem como o objetivo possibilitar que as equipes e os gestores possam monitorar a execução do plano de intervenção, bem como analisar a evolução dos resultados alcançados”, ressalta o secretártio. 

A Secretária de Saúde se preparou para a avaliação nos anos de 2016 e 2017, como não aconteceu, a visita da equipe do PMAQ, o setor continuou com preparativos. Numa primeira avaliação, o município já conseguiu 10% da nota, e, ainda faltam algumas adequações na parte de infraestrutura das Unidades Básicas de Saúde, aquisições de equipamentos como computadores e tablet para implementação do PEC/AB prontuário eletrônico em todas as UBS, medicamentos e satisfação dos usuários através da caixinha de sugestão colocada em todas as UBS.

Vale lembrar que é através do sistema E-SUS/SISAB que serão apurados os indicadores contratualizados pelo município para as equipes de AB/SB/NASF, portanto toda produção de cada profissional devem ser digitados neste sistema, para garantimos 20% da nota, e agora na avaliação externa temos mais 70% da nota.

Onde ESF/AB/SB: 1, 2, e 3 e NASF disponibilizaram de tempo para responder ao instrumento. A entrevista foi realizada no local de trabalho de cada equipe com a coleta de informações, cujas respostas foram registradas em instrumento por meio de um tablet. Essas informações serão consolidadas e em breve vamos ter o resultado da pesquisa, com a seguinte classificação de desempenho: Ruim, Regular, Bom, Muito Bom e Ótimo. 

De acordo com a classificação, o Programa (PMAQ/AB) eleva o repasse de recursos do incentivo federal para os municípios/equipes participantes que atingirem melhora no padrão de qualidade no atendimento. As equipes e as estruturas são periodicamente avaliadas e, diante de avaliações positivas, recebem incentivos do Ministério da Saúde para darem continuidade e até melhorarem o bom atendimento, resultando em benefícios para a população do município. 

Essa avaliação é muito importante para o nosso município, pois as equipes que oferecem melhorias na qualidade do atendimento e infra estrutura recebem mais recursos do Governo Federal. Ou seja, quanto melhor for o desempenho das equipes, mais incentivos financeiros serão repassados para cada equipe, hoje nós recebemos um valor de 1.700,00/mês por ESF/AB e 500,00/mês por ESF/SB e 600,00/mês equipe do NASF. Pois em uma avaliação anterior ficamos com a classificação de desempenho: REGULAR.

É através do PMAQ-AB que o Ministério da Saúde avalia as equipes que fazem parte das Unidades Básicas de Saúde (UBS) por todo o país. As UBS que fizeram a adesão ao programa recebem a visita dos técnicos do MS, que fazem uma espécie de checagem de todas as documentações, equipamentos e estrutura como a acessibilidade aos usuários e ainda avalia a forma de como é ofertado os serviços à população, com direito inclusive a entrevistar os usuários que utilizam estes serviços e que reside na área da UBS, de modo a garantir a maior eficiência e credibilidade possível às informações colhidas com os profissionais de saúde.

Sabemos que o Brasil passa por dificuldades neste setor saúde, mas nós do município de Dom Aquino estamos tentando melhorar a cada dia este setor, pelo simples fato de ter um atendimento mais humanizado a nossa população. Pois para tal atendimento não precisamos de recursos financeiros, mas sim mais amor e respeito ao próximo.

“O sucesso de um trabalho é fruto do empenho e comprometimento das pessoas envolvidas. Quero agradecer a Equipe da Secretaria de Saúde de Dom Aquino pela competência. Agradecer a equipe do PMAQ entrevistadoras do MS e, dizer que a presença de vocês aqui foi um aprendizado e momento de crescimento para que possamos melhora e atender com mais qualidade nossos usuários”, conclui o secretário.

Publicado em 16/08/2018

Fonte: Assessoria de Imprensa / PMDA

2017 © Portal Oficial da Prefeitura Municipal de Dom Aquino - Mato Grosso - CEP: 78830-000